Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

kinhas

30
Mai19

Hoje há espiga?


 

 

Há sim... Hoje é Quinta-feira da Ascensão, que religiosamente, significa que hoje se celebra os 40 dias depois da ressurreição de Jesus, sendo uma celebração móvel, uma vez que é 40 dias após a Páscoa, é também um dia celebrado como feriado municipal em muitas partes do nosso país, em simultâneo com ela, e provavelmente com maior adesão, celebra-se o Dia da Espiga, ou Quinta Feira da Espiga.

 

P5300447mod.jpg

 

 

O RAMO DE ESPIGA é constituído por:

 

Espiga (devem ser sempre em número ímpar, e são a parte mais importante do ramo. Podem ser de trigo, centeio, aveia, ou qualquer outro cereal. Representam o pão, como a base do sustento da família, e a fecundidade)

 

Papoila (com a sua cor vibrante e quente, significa o amor e a vida)

 

Malmequer (Simboliza a riqueza, e os bens terrenos. Os brancos simbolizam a Prata, e o amarelo, o Ouro)

 

Oliveira (tem duplo significado, em parte significa a Paz, a o desejo pela mesma e ao mesmo tempo é símbolo da Luz, sendo que foi do azeite, que se encheram as lâmpadas que alumiavam as casas. Esta Luz pode também ser interpretada como o sentido divino da mesma, significando a sabedoria divina)

 

Alecrim (Com o seu cheiro forte e duradouro, e sendo uma planta que resiste a quase tudo, simboliza no ramo a força e a resistência)

 

Videira (em representação do vinho, tem naturalmente associação à alegria)

 

DIAESPIGA1.jpg

 

Diz-se que o ramo da espiga deve ser guardado em casa e “não deve ser perturbado na sua quietude, sendo substituído apenas no ano seguinte por outro igual mas mais viçoso”.

 

Fotos capturadas por Kinhas

29
Mai18

Quando o que é nosso pertence ao mundo


Portugal tem muitas coisas desejadas pelos que cá nos visitam. Tem o nosso litoral, o nosso interior, a nossa Lisboa, o nosso Porto, o nosso Alentejo, o nosso Algarve, o nosso Fado, o nosso clima, a nossa gastronomia, etc, etc... Levava aqui a enumerar uma infinidade de coisas boas que temos. Mas é através das nossas tradições que vos quero cativar. Do nosso artesanato, da nossa cerâmica, da nossa tecelagem e da Casa Cubista.

Porquê esta conversa toda? Porque a Casa Cubista, um nome bastante português e originário de Olhão, é uma empresa criada por dois canadianos que vieram de Toronto conquistados pelas nossas tradições e decidiram criar, recriar e inventar novas peças com os nossos materiais, inspirados em objetos que fazem parte da nossa história. Tudo feito pelas mãos destes dois canadianos.

Estou completamente rendida a estes trabalhos.

 

12916840_1720031871571648_2009648012011989003_o.jp

 

22295_1718171461757689_7188104491277341362_n.jpg

 

941364_1720854994822669_8955661466819943165_n.jpg

 

12376620_1719212208320281_197646790208559368_n.jpg

 

13007343_1726923124215856_195393844101558657_n.jpg

 

13151819_1732312323676936_3841736564756825718_n.jp

 

13177290_1732802500294585_6363702519369561677_n.jp

 

13237604_1737912889783546_6893107828626282188_n.jp

 

13240700_1740927319482103_5928309817338077238_n.jp

 

13260202_1741276852780483_8755617715934332819_n.jp

 

Fontes de informação e imagem, páginas Casa Cubista.

Sobre mim

foto do autor

Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Pesquisar

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.